Mulher é encontrada morta com sinais de violência em Guaranésia

Mulher tinha cerca de 30 anos e ainda não foi identificada

mulher

Mulher foi encontrada morta em Guaranésia na manhã desta quinta-feira (Foto: Reprodução)

Uma mulher foi encontrada morta em Guaranésia na manhã desta quinta-feira (4). De acordo com a Polícia Militar, o corpo tinha sinais de violência. Um homem de 27 anos foi preso suspeito do crime.

Segundo a PM, o corpo foi encontrado por volta das 9h em uma rua de terra perto do reservatório da Copasa (Companhia de Saneamento de Minas Gerais), quando um funcionário da empresa chegava ao local para trabalhar. O local fica em um loteamento novo no município e ainda não há residências por perto.

Ainda conforme os militares, a mulher tinha cerca de 30 anos e ainda não foi identificada. Ela usava um vestido e um chinelo, mas estava sem as roupas íntimas. Além disso, o rosto ficou muito machucado em decorrência de pancadas, que causaram a morte da vítima. Apesar disso, a perícia da Polícia Civil esteve no local e não constatou violência sexual.

A PM disse ainda que o suspeito preso e a vítima pegaram carona em Mococa, no interior de São Paulo, até Guaranésia, e o rapaz foi o último a ser visto com a mulher. Além disso, ele tinha um mandado de prisão em aberto em São Sebastião do Paraíso.

O corpo foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Guaxupé.




Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.