Necropsia não aponta lesões em corpo de transgênero encontrada morta no Sul de MG

Necropsia da transgênero Sheila Medeiros foi divulgada pela Polícia e não foram encontradas lesões internas ou externas durante o exame

Necropsia

Necropsia da transgênero Sheila Medeiros (Foto: Arquivo Pessoal)

Polícia Civil de Três Pontas divulgou o resultado da necropsia da transgênero Sheila Medeiros na tarde desta quarta-feira (31). De acordo com o delegado Gustavo Gomes, responsável pelo caso, não foram encontradas lesões internas ou externas durante o exame.

O corpo de Sheila, batizada originalmente de Tedigrey Balbino da Silva, de 37 anos, foi encontrado em um terreno baldio no bairro Alcides Mesquita na manhã de segunda-feira (29). Agora tecidos do pulmão e de outros órgãos foram enviados para o Instituto Médico Legal (IML) em Belo Horizonte para que mais exames sejam feitos para identificar a causa da morte.

O delegado afirmou ainda que não descarta a possibilidade homicídio. Imagens de uma câmera de segurança mostraram um homem se aproximando de Sheila momentos antes dela desaparecer, na noite de sábado (27). Pessoas próximas a ela já estão sendo ouvidas pela polícia.




Expresse sua opinião. Comente a matéria acima!